Na Web

Paulo de Morais arrasa o perdão de 125 milhões à BRISA, e denuncia favorecimentos a ex-governantes do PS com essa decisão.

Paulo de Morais arrasa o perdão de 125 milhões à BRISA

O Fisco desistiu de cobrar 125 milhões à Brisa, cujo Presidente da AG é António Vitorino. A decisão foi tomada pela Unidade dos Grandes Contribuintes, depois de ter recebido pareceres internos que apontavam em sentido diferente.


O mesmo Vitorino que o Governo português candidatou, há dias, ao cargo de director-geral da Organização Internacional para as Migrações, apresentando-o como um “profundo conhecedor” desta problemática. Vitorino percebe muito de migrações, não há dúvida: sobretudo migrações de recursos públicos para o sector privado.

 

 

Postado a 06/01/2018

Comentários
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

To Top