Noticias

Buscas no gabinete do ministro Mário Centeno

O Ministério Público (MP) realizou na sexta-feira buscas no gabinete do ministro das Finanças, Mário Centeno, avança o “Correio da Manhã” deste sábado. Governo e PGR confirmam a notícia.

As buscas foram realizadas por magistrados do Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP), que lida com crime económico.

A acção foi confirmada à Renascença por fonte oficial do Ministério das Finanças, que se recusou a adiantar qual o motivo das buscas por se encontrarem em segredo de justiça.

O Ministério das Finanças garante que “colabora de forma franca e totalmente disponível com qualquer investigação policial, colocando à disposição das autoridades judiciárias todos os elementos solicitados”.

Em nota enviada à Renascença, a Procuradoria-Geral da República (PGR) também confirma buscas e sublinha que inquérito não tem arguidos constituídos.

De acordo com a revista “Sábado”, em causa estarão suspeitas de que Mário Centeno terá beneficiado um filho do presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, numa isenção de IMI.

O caso teve início num pedido de bilhetes feito pelo gabinete de Mário Centeno para o ministro assistir a um Benfica – FC Porto no camarote presidencial, numa partida realizada a 1 de Abril do ano passado.

As buscas, sublinha o jornal “Correio da Manhã”, nada terão que ver com os processos de privatização sob investigação nem com o anterior Governo.

O MP investiga vários processos relacionados com o Ministério das Finanças, como a Operação Ciclone, que envolve a EDP e a REN no mecanismo dos Custos para Manutenção de Equilíbrio Contratual (CMEC), ou as viagens de membros do Governo ao Euro 2016, em França.

 

Comentários
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Os Mais Vistos do mês

To Top